Dieta da Sopa


Dieta pobre em ferro, o ferro está ligado ao transporte de oxigênio no sangue e formação de hemácias, sua deficiência causa a anemia.  

A dieta da sopa consiste em substituir as duas principais refeições do dia por sopas, mas exista uma longa lista de restrições nos ingredientes. 

Alimentos como inhame, batata, arroz, macarrão, feijão, não podem ser utilizados. 

A sopa deve ser preparada com legumes e verduras, podendo ser incluído frango e peixe. 


Os lanches também tem restrições, sendo liberado o consumo de frutas e saladas.

Alguns profissionais orientam que se consuma 1200 calorias por dia e que se faça exercícios físicos para atingir os resultados prometidos, que são a perda de 2 kg por semana ou 8 kg por mês.

Pontos Positivos

O cardápio é rico em verduras, legumes e frutas, tornando - o assim adequado em vitaminas, minerais e fibras.


A dieta incentiva a hidratação.


Pontos Negativos

  • Dieta pobre em carboidratos, o que pode levar a fraqueza, sonolência e perda de massa muscular;
  • Dieta pobre em proteínas, o que pode levar a perda de massa muscular.
  • Dieta pobre em gordura, pode prejudicar a síntese de diversos hormônios e dificultar a absorção de vitaminas A, D, E e K que são lipossolúveis.
  • Baixo consumo calórico, pode levar a lentidão do metabolismo o que facilita o ganho de peso após voltar a alimentação normal, o que ocasiona o efeito sanfona.
Minha opinião:

Como a maioria das "Dietas da Moda" é uma dieta bastante radical, com restrições de alimentos o que dificulta a adesão, além disso pode levar ao efeito sanfona, causar cansaço e fraqueza devido a baixa ingestão calórica, entre outros efeitos mais graves caso a faça por tempo prolongado. A perda de peso pode vir através da eliminação de líquidos e perda muscular ao invés da perda de gordura. Não incentiva uma mudança de hábito e nem uma alimentação saudável. Vi uma publicação que indica a sopa na janta, o que poderia ser utilizado para reduzir um pouco a ingestão calórica e ajudar no emagrecimento saudável, mas isso deve ser orientado por uma/um Nutricionista, que é o profissional habilitado para essa função. Cada organismo reage de uma maneira portanto a "dieta" deve ser calculada especificamente para cada pessoa.