Desmistificando a Gelatina

Muitas vezes o que vejo em sites e blogs é o incentivo ao uso da gelatina para o aumento da ingestão do colágeno, que é uma proteína, isso ocorre principalmente pelo fato que o colágeno é parte integrante da pele humana, mais precisamente da epiderme, camada externa da pele também é muito divulgado que ela é capaz de combater a flacidez.

Sim o aumento do consumo de gelatina traria benefícios a pele, aos músculos, a saúde em geral, a gelatina tem baixo teor calórico e ainda é uma fonte de líquido. Mas esse beneficio só seria evidente caso houvesse uma deficiência dessa proteína no organismo. Pensando como o organismo age na absorção e no metabolismo de proteínas o colágeno não seria aproveitado sempre. Quando comemos alimentos fontes de proteínas durante a digestão essas proteínas são quebradas em aminoácidos, e esses são absorvidos e enviados a corrente sanguínea. De acordo com a necessidade do organismo os núcleos das células mandam avisos de quais proteínas são necessárias e então são sintetizadas na própria corrente sanguínea e agregadas onde necessário. O colágeno ingerido pode ser sintetizado em outra proteína e então não traria o efeito desejado, mas ele se mantém útil ao organismo.

Já existem cremes com o colágeno em sua formulação, estes prometem os efeitos do mesmo colágeno interno, mas para isso é preciso pesquisar mais um pouco sua eficácia.

Diga sim a gelatina quando o intuito for optar por um lanche ou uma sobremesa mais saudável, menos calórica. Vale ainda incrementá-la com pedaços de frutas como maça, banana, manga e o que mais a imaginação mandar. No mais procure manter refeições balanceadas, coma frutas, verduras e legumes todos os dias, retire a gordura aparente da carne, utilize pouco sal e açúcar no preparo das refeições, beba bastante água, evite frituras e terá todos os benefícios dos alimentos, mantendo-se saudável.




Se a preocupação com a aparência permanecer mesmo assim, vale lembrar que um organismo saudável mantém as características cobiçadas pela maioria das pessoas, cabelos viçosos, pele macia, leve rubor nas maçãs do rosto.